quinta-feira, 22 de março de 2018

O OLHO DO MAL (2008)


Filmes de terror que tem em especial a finalidade de dar sustos, nem sempre é bem recebido, em alguns casos, se a história for boa o suficiente, pode arrancar elogios do público. Mas, em filmes que são refilmagens, parece que não há perdão. O Olho do Mal, título original The Eye, lançado em 2008 e com a direção David Moreau, foi uma das refilmagens de filmes de terror que apenas assustam, e obteve muitas críticas negativas. O filme é estrelado por Jessica Alba, Alessandro Nivola e Parker Posey.

Sinopse: Sydney Well, interpretada por Jessica Alba, é uma jovem cega que recebe um transplante de córneas. Depois da operação, ela descobre que adquiriu o dom de ver pessoas mortas. Para tentar desvendar algo sobre esse poder indesejado, ela sai em busca da verdade sobre seu doador.


Em opinião particular, eu até que gostei desse filme, mesmo com sua simplicidade em algumas cenas de mortos meio clichê. A narrativa propõe um pouco de drama relacionado à vida da protagonista, que é cega desde que sofreu um acidente quando era criança. Durante boa parte do filme, esse acontecimento na vida da jovem é abordado, e após sua cirurgia parece que todo aquele sofrimento havia ficado no passado, e que agora era aproveitar a nova vida. Nesse ponto, eu concordo que o filme é lento em pegar o ritmo, mas quando pega, o clima começa a ganhar uma boa dose de tensão, que mistura aparições sombrias e misteriosas atormentando a protagonista, essa parte do filme é ótima para acompanhar.

Jessica Alba faz o que pode para manter sua personagem no devido espaço que tem, ainda que vários acontecimentos como enxergar vultos, alguns deles dão um susto bem grande no espectador. Sem levar muito para o lado sobrenatural, o filme passa a explorar bem essas aparições que começam a ocorrer após a cirurgia.


No entanto, eu achei mais interessante, e acredito que a maioria também achou, foi o momento em que Sidney não a reconhece em uma foto, e sim ao se olhar no espelho, ela vê outra pessoa. O longa vai aos poucos caminhando nesse mistério, o que motiva a protagonista a ir até o fim para saber mais sobre a vida da doadora e consequentemente descobrir o que são aquelas aparições que somente ela enxerga.

E é aí que a tensão perde o ritmo. Pois como agora tais vultos não mais assustam, e o filme passa a partir daí se importar em apenas desvendar um mistério envolvendo a pessoa que doou as córneas, o terror vai literalmente por água abaixo, e o desfecho foi muito previsível. Eu ainda não assisti a produção original e, portanto, não posso fazer comparações entre ambos. Mas ainda com todos os defeitos, O Olho do Mal dá para passar o tempo sem ficar depois chateado, mas não esperem um terror de verdade, pois as chances de se decepcionar serão muito grandes. 

NOTA: 6/10

Veja o trailer no vídeo abaixo:

Um comentário:

  1. eu amo esse gênero. vejo até filmes ruins. esse é mais ou menos. http://mataharie007.blogspot.com.br/2009/07/o-olho.html

    ResponderExcluir

Fiquem à vontade para comentar, mas por favor, nada de palavrões, insultos ou qualquer outra coisa que possa ofender o autor do blog e a terceiros. Seria interessante, porém, não obrigatório, que usuários anônimos se identificassem. Bons comentários!