RAMBO 2: A MISSÃO


Rambo 2: A Missão foi lançado em 1985, dirigido por George P. Cosmatos. Após o grande sucesso do primeiro filme, era de se esperar que os produtores apostassem mais nessa trama repleta de ação. E como é evidente, esse segundo filme não fica atrás do primeiro, pois caprichou nas cenas de ação e no arco dramático envolvendo sentimentos de vingança. 

Sinopse: John Rambo está cumprindo pena em uma penitenciária federal quando recebe uma proposta: se participar de uma missão suicida, que consiste em localizar prisioneiros americanos no sudeste asiático será perdoado e reintegrado ao exército. Ele concorda, mas não imaginava que seria traído pelos compatriotas, que não querem de fato nenhuma prova de prisioneiros, pois isto acarretaria gastos de 2 bilhões de dólares para libertá-los. Com isso, Rambo acaba sendo abandonado pelos americanos em território inimigo.


Apesar da trama se ambientar no sudeste asiático, na verdade as filmagens ocorreram nas selvas mexicanas, devido à dificuldade que encontraram ao tentarem filmar na Tailândia. O filme é muito bom! Apresenta-nos o cara que deu um trabalhão para os soldados que o perseguiam no primeiro filme. Aqui ele tenta a oportunidade de ser novamente aceito no exército americano caso cumpra uma missão. A atuação de Stallone é segura e firme, mesmo que particularmente eu não o considere um ator grandioso, todavia, seu desempenho nessa franquia se encaixa perfeitamente.

Ainda que tenha clichês óbvios e situações genéricas, tais defeitos não comprometem a qualidade do longa, que aposta em maior quantidade nas cenas de ação, que vai desde pancadaria aos tiroteios. Aqueles que curtem filmes dos anos oitenta que se passa pela mata, vão curtir sem nenhum problema. Outra coisa interessante vista nesse segundo filme em comparação com o primeiro, é o grau de violência que aumentou muito! Em uma das cenas do filme, Rambo é severamente torturado por vietnamitas, o que para o personagem relembra os traumas que sofreu naquele lugar enquanto servia no exército. Inclusive vemos isso em alguns rápidos flashbacks no primeiro filme.

A direção é competente, não arrasta o filme e tampouco abusa a nossa inteligência. É um filme simples muito bem executado. Um grande clássico dos anos 80 digno de admiração! 

NOTA: 8/10

Veja o trailer no vídeo abaixo:

Comentários

  1. É um ótimo filme de ação.

    Ainda não vi o último Rambo.

    Meu preferido é o primeiro.

    Abraço

    ResponderExcluir

Postar um comentário