OLHOS FAMINTOS 3


Como fã declarado da franquia Olhos Famintos, que inclusive já abordei os dois primeiros filmes aqui no blog, me sinto na obrigação de falar sobre o imenso fiasco que foi o terceiro filme da saga, Olhos Famintos 3 lançado em 2017, dirigido por Victor Salva.

Esse terceiro demorou muito pra sair, devido a vários problemas envolvendo o diretor e criador do personagem monstruoso que assombrou e ainda assombra muitas pessoas. Como as expectativas eram muito altas para este filme, e eu me lembro de ter visto diversas sinopses que foram jogadas na internet, afirmando que o filme irá trazer a personagem do primeiro filme Trish (Gina Philips), após 23 anos depois que ela perdeu seu irmão, que fora assassinado pelo monstro. E que agora queria acabar com a criatura de uma vez por todas.

Em outras sinopses, afirmavam que iria continuar exatamente de onde parou o segundo. Quem assistiu Olhos Famintos 2, lembram da última cena? O monstro havia hibernado por mais 23 anos e foi capturado pelo fazendeiro que o caçava por causa da morte do filho, e que ele estava preparado para mata-lo assim que o monstro acordasse.


Porém, o terceiro filme não trouxe absolutamente nada disso. Ao contrário, preferiu mostrar mais carnificina antes desses eventos. No entanto, essa ideia era até legal, pois poderia mostrar um pouco mais sobre o monstro, explorar mais vítimas antes dele conhecer os irmãos Jenner no filme original. Mas, infelizmente o diretor Victor Salva acaba jogando a história em um completo buraco. O roteiro é medíocre, e não possui os mesmos elementos do filme original. Apelam para situações exageradas, muitos personagens, muitos arcos que no final não tem importância alguma, servindo apenas para encher linguiça, e nada, definitivamente nada de relevante para a franquia.

As ideias do filme poderiam funcionar, mas a narrativa exagera e mistura muita coisa, que ao juntar tudo acabou se tornando uma “comida” nojenta que ninguém é capaz de comer. Ao contrário do filme de 2001 que aborda um simples argumento, que vai aos poucos ganhando ritmo e tensão, esse terceiro filme joga tudo de uma vez, sem saber por onde começar. Vários personagens picaretas que não fazem nada no filme, exceto se tornar o lanche do vilão. O velho caminhão do monstro nesse filme parece que é mais resistente do que um tanque do exército e é cheio de armadilhas no estilo Jigsaw. Como assim? De onde Victor Salva tirou essa ideia mirabolante? Não faz sentido para quem já acompanhou os filmes anteriores. É difícil de engolir.


Mas, há um detalhe a considerar. Como seu projeto passou por muitos problemas, como os escândalos sexuais envolvendo o diretor, era difícil conseguir uma produção de alta qualidade. O orçamento do filme foi muito baixo, o que explica algumas sequências um tanto mal feitas e exageradas ao nível A. Porém, tudo isso seria compreensível se o roteiro do filme não caísse em seus exageros horripilantes, ou se a história que o filme conta fosse bacana. Infelizmente, esse não é o caso, por que o filme simplesmente não tem foco, pois como já enfatizado, o roteiro coloca uma série de ocasiões ao mesmo tempo sem saber por onde começar.  

E uma das coisas que mais me deixou irritado em Olhos Famintos 3, foi a introdução de um lado sobrenatural envolvendo uma mão que havia sido tirado de um túmulo. A princípio, o filme tenta chamar atenção para as possíveis origens da criatura, no entanto, tal elemento não teve importância nenhuma para a história maluca que o filme já estava contando. A cena está lá apenas, sem contextualização, sem uma maior explicação sobre o que seria aquilo. E isso sem falar que não faz referência a nada do que fora visto na franquia, não tem utilidade. Simplesmente um caso que foi colocado aleatoriamente no meio do filme e no fim das contas não teve lógica nenhuma. E ainda sobre o monstro, o filme foca demais nele. Desviando-nos do mistério que envolve essa criatura. Muitos closes são feitos demasiadamente no bicho. Gente do céu, isso descaracteriza a franquia! Não consigo entender por que Victor Salva, com o grande talento que tem com o gênero terror, pode ter feito uma bomba dessas?


E veja só: parece que vai ter o quarto filme. Mas, calma... Tem uma coisa em Olhos Famintos 3 que pelo menos valeu a pena: a última cena. O que tem essa cena? Trish Jenner. Isso mesmo! A bela atriz Gina Philips finalmente dá as caras, ao que pareceu ela pretende destruir o monstro que matou seu irmão, sua aparição é uma clara indicação que a franquia vai continuar. Até que fim, aquela sinopse será explorada dentro do contexto geral da franquia. Gina Philips afirmou em uma entrevista que Victor Salva já tem o roteiro do quarto filme, e que sua personagem estaria lá. Agora eu dei valor!

Sendo sincero com vocês leitores, ás vezes quando assistimos uma bomba como foi Olhos Famintos 3, ao saber que vai ter sequência a gente quer passar longe, não é mesmo? Mas, nesse caso eu vou abrir exceção se o próximo filme, se realmente eles fizerem depois de todo esse fiasco, abordar a tão aguardada história fazendo referências ao filme original e consequentemente o desfecho da saga. Aí sim, acredito que valerá a pena, mas só rezo para Victor Salva tenha se inspirado na história e conduza o filme com maestria, tal como ele fez antes. Porém, eu não sou nenhum bobo, não vou criar altas expectativas e só assistirei depois de saber do que o filme irá tratar caso contrário, Bye Bye Jeepers Creepers... 

NOTA: 3/10

Veja o trailer de Olhos Famintos 3 no vídeo abaixo:

Comentários