A PONTE DE WARTELOO(1940)


A Ponte de Waterloo é um clássico de romance lançado em 1940, sendo uma refilmagem de uma versão de 1931. É um drama em que se passa na guerra e é protagonizado por Vivien Leigh (1913-1967) e Robert Taylor (1911-1969). A Ponte de Waterloo tem como título original Waterloo Bridge e foi dirigido por Mervyn LeRoy (1900-1987). 

O filme se passa durante a 1° Guerra Mundial, onde uma jovem bailarina chamada Myra, conhece Roy, um oficial britânico, com quem se apaixona e mantém um romance. Entretanto, a guerra os separa, mas sem quebrar o sentimento que ambos já nutriam um pelo outro. Quando ele combina de apresentar sua mãe para a moça, ele desaparece e é considerado morto.


Diante do trauma com a morte do amado, a jovem precisa lidar com uma série de dificuldades, financeiras e emocionais. A principal delas é quando o dinheiro acaba e ela não vê alternativa a não ser se prostituir. Do outro lado, ela conhece a mãe do oficial e se sente incapaz em dar a notícia sobre o seu filho.

O filme é bem ágil e não se perde em sua narrativa. A direção é ótima! E as atuações são muito boas, e tudo isso juntando a montagem e trilha sonora, nos dar aquela sensação gostosa de estar vendo um filme que nos emocionam em diversos momentos. A Ponte de Waterloo foi um dos filmes que mais me emocionaram. Você sente o drama dos personagens, que nos é repassado na medida certa, sem exagerar.


Além disso, o clima fica ainda mais devastador do que já estava quando o oficial é visto por Myra, ele estava vivo e bem. Ao se encontrarem, parecia que todo o romance iria retornar, no entanto, não acontece nada disso. Myra se sente culpada pela vida que levou desde que Roy desapareceu, e não conseguindo manter o amor que tinha por ele, já que escolheu uma vida da qual desonrava seu amado, um destino doloroso para ambas as partes os aguardavam.

A Ponte de Waterloo deve estar entre os filmes mais comoventes já vistos. Tudo muito lindo! O casal protagonista é carismático e conquista o espectador facilmente, sem mencionar a pureza da moça que realmente amava e se sentia amada de modo como qualquer pessoa gostaria. O filme foi indicado a duas categorias do Oscar, sendo elas Melhor Fotografia e Melhor Trilha Sonora. Portanto, se você curte romances clássicos, não hesitem em assistir A Ponte de Waterloo. 

NOTA: 8,6/10

Assista a um trailer do filme:

Comentários